Paróquia

Informativos

Comunidades

Comunidades / Mãe Rainha - Sertãozinho


Tudo começou em novembro de 2007, provavelmente do dia 10. Um grupo de senhoras foi até a Comunidade Matriz (Nossa Senhora da Saúde) com uma proposta de construção. Pe. Cláudio, pároco, as atendeu, ouvindo com atenção a proposta, que logo abraçou, por ser uma iniciativa dos moradores do bairro Sertãozinho.

Lembramos que a Rua Pe. Toíco é continuação da Rua Carlos Magalhães que começa na praça da Matriz-Centro e termina no bairro Sertãozinho. A comunidade em construção fica no final da Carlos Magalhães e no começo da Rua Pe. Toíco que já pertence ao bairro Alvorada, que por sinal já tem outro loteamento logo abaixo da Comunidade que se chama Alvorada II.

A Comunidade teria como padroeira, Nossa Senhora, Mãe Rainha, cuja devoção já vem de longa data, através da sua imagem em forma de estampa nas capelinhas que muitas famílias recebem mensalmente em suas residências. Pe. Cláudio sugeriu que se formasse uma comisão e achasse um local de fácil acesso onde a capela poderia ser construída.

Houve reuniões, palestras e orações do terço, principalmente no dia 18 de cada mês, lembrando a data de 18/10/1946 quando Nossa Senhora foi coroada Mãe Rainha de Shoenstatt 3 vezes Admirável. (Alpes da Alemanha). Em 2008 houve uma reunião na casa do Sr. Egídio/ Inês e a 1ª festa no Ateliê da Noiva na Rua Carlos Magalhães, cujo saldo positivo de 506, 40 foi depositado numa conta bancária aberta para esse fim e em nome de João M.

Evangelista e Cláudio Henrique Brigagão, tesoureiros da 1ª comissão que tinha como presidente o Sr. Jorjão e como secretária, Cristina , sua esposa.

Dois boletins de bairro fora, escritos, não temos notícias de Atas anteriores, o ano era de eleições. As Atas foram escritas posteriormente pelo 1º tesoureiro (João) numa tentativa de organizar esta comissão provisória. Em 12/04/2009, reunimo-nos na casa do Sr. Nilson/Isabel e a sugestão era de formar equipes de trabalho, pois a doação de um terreno aconteceu, após várias tentativas de locais impróprios.

O terreno doado (em local de fácil acesso) pela família João Marques Evangelista/ Zilda Ana Pereira e Mauro César Marques Evangelista localiza-se na Rua Pe. Antônio Bibiano Siqueira (Pe. Toíco)no bairro Alvorada. Pe. Cláudio visitou o local, aprovou, e a documentação necessária foi sendo feita. Dom Diamantino (Bispo Diocesano) visitou o local e a Comunidade passou a fazer parte da Rede e no dia 27 de janeiro do mesmo ano aconteceu a 1ª Missa, presidida pelo Pe. Geraldo e assim sucessivamente pelo Pe. Nelson e Pe. Cláudio, uma vez por mês. As missas eram realizadas na casa do Sr. João Roberto Pereira/ Sônia, que fica em frente a Comunidade – 69 metros quadrados de uma lage construída dentro de um cercado de arame farpado.

A catequese começou na casa de Dona Terezinha e a celebração da Vida da Pastoral da Criança na casa de João/Zilda .

A 1ª Comunidade a nos chamar para uma celebração da Palavra foi a de Santo Expedito, bairro rural do cafundó.

Conseguimos formar uma 1ª administração (C.A.C.) em agosto de 2009 coma as seguintes pessoas: Antônio de Souza Fernandes e esposa, Cintia de Castro Pereira de Biaso, Vilma Batista Soares de Lima, João Marques Evangelista, Antônio Carlos de Andrade, Maria Aparecida de Castro Pereira e Giselda Paulino Araújo. Em outubro de 2009 tínhamos um saldo de 3.409,00, a 2º festa da Comunidade. As missas passaram a ser celebradas na casa do Sr. Antônio/Olinda, Pe. Cláudio e Pe. Nelson revezam, as missas são uma vez por mês, passamos a celebrar embaixo da lage construída. O projeto inicial (Capelinha, modelo europeu) foi rejeitado pelo CAD (Conselho Administrativo Diocesano) Pe. Daniel, de Três Corações, indicou a arquiteta Poliana que também é secretária do CAD a qual fez outro projeto e em 17/04/2010, o novo projeto foi aprovado. A construção já existente foi ampliada. Um carnê de doação (Ação entre amigos) foi criado com anuência do Pe. Cláudio. A construção, aproveitando o projeto antigo, teria 271,83 metros quadrados, planta com o visto do Sr. Prefeito de Lambari em 15/09/2010. A planta anterior possuía apenas 90,60 metros quadrados.

O projeto estrutural da construção foi feito pelo Sr. Evaldo Antônio Gorgulho, engenheiro Civil (doação). A construção propriamente dita, reiniciou-se em 9 de agosto de 2010. Houve uma festa em outubro de 2010 cuja renda líquida foi de 8.956,00. A construção foi até dezembro de 2010. Em 2011 retomamos a construção em 02/05. Os pedreiros Sr. Deca e Sr. José construíram até o 4º nível. O 5º nível que é a cobertura/telhado está sendo concluída e deverá ficar pronta em novembro de 2011. Houve nova festa em outubro, cujo saldo ainda não foi apresentado/apurado. As celebrações da Santa Missa estão sendo feitas no subsolo da Comunidade.

Construir Comunidade fisicamente não é tão difícil, embora tenhamos que considerar o sistema econômico de uma sociedade que privilegia o ter e não ser.
Construir Comunidade (pessoas) em nível de consciência coletiva é bem difícil, ainda não aprendemos ouvir a voz de Deus falando conosco.
De uma coisa estamos certos: “Deus nunca chama desocupados” (1 Reis 19, 19-21)

Atividades da Comunidade:

Santa Missa: 4ª terça-feira do mês
Catequese – Santas Missões Populares – Novena de Natal – CF em Família



Galeria de Fotos Mãe Rainha - Sertãozinho

 
Copyright © 2011 Paróquia Nossa Senhora da Saúde Design by